25 de agosto de 2009

Viagem Dia -43: Organizando a Documentação!

EURO HOJE: R$ 2,65
Meldels... agora entendo quem prefere pagar uma excursão ao invés de planejar sua própria viagem. Se bem, que... entendo, mas nem quero nem recomendo.
Mas... como dá trabalho planejar uma viagem!!!

E eu que pensei que 60 dias antes era tempo demais de antecedência!!!
Que nada!
Hoje faltam 43 dias e a minha lista de "o que fazer antes da viagem" nunca diminui (ela até tem itens concluídos, mas como novos itens sempre são acrescentados, o tamanho continua o mesmo).

Sem contar que minhas companheiras de viagem, uma mora no sertão da Paraíba, e a outra vai viajar agora em setembro, em pleno “faltam poucos dias”!!!
E se 3 pessoas vão viajar juntas então é preciso as 3 pessoas concordarem e decidirem sobre a viagem!!! E essas distâncias e ausências exigem uma grande organização de tempo/horário/local (mas até que estamos nos saindo bem nesta parte).

Hoje peguei meu novo passaporte! \o/
Eu sabia que meu passaporte estava vencido e por isso sabia que teria que tirar outro. Mas, também sabia, por amigos viajantes, que hoje em dia tudo estava muito simples e rápido. E tudo poderia ser marcado pela internet etc. e tal.
Então, finalmente chegou a vez desse item na minha lista “do que fazer...”.
Entrei no site da Polícia Federal para me informar sobre documentos e procedimentos e me deparei com o seguinte item:

6.0 - Apresentar o Passaporte anterior, quando houver (válido ou não). A não apresentação deste, por qualquer motivo, implica em pagamento da taxa em dobro;

Como assim?
ONDE ESTÁ MEU PASSAPORTE VENCIDO???
Lembrei-me na hora de um post que um amigo escreveu, em outro blog, sobre a busca pelo passaporte desaparecido --> lê aqui!
O nome do post dele foi “leve desespero”. Mas em mim bateu um GRANDE desespero. Só em pensar na taxa em dobro que teria que pagar se eu não achasse o antigo.
Mas, segundo Voltaire, "o desespero ganha muitas vezes batalhas" e, pensando nisso, reuni forças para abrir todas as caixas e pastas, prováveis e improváveis, dentro de casa, onde o bendito poderia estar.
Finalmente, depois de muito “batalhar”, venci. Encontrei ele lá, na milionésima caixa, paradinho, me esperando!
E marquei minha ida à PF para 2 dias depois, com hora marcada, fui atendida rapidamente lá, e pasmem, 24 horas depois, recebi um e-mail informando que meu novo passaporte já estava pronto!!!
(palmas para a Polícia Federal, pela eficiência).
Foi tão rápido que demorei pra ir buscar.
:D

E com passaporte na mão, resolvi ir para o próximo item da lista (já que na Europa, não é necessário visto para permanência inferior a 90 dias, e sim apenas alguns requisitos básicos).

Ah, mas não podemos esquecer o chamado "Espaço Schengen", referente aos países que são signatários do Acordo de Schengen*, que são 24 na Europa.
Claro, eu tinha que viajar pra países que não fazem parte desse tratado, intercalando com os que fazem (porque se as coisas podem ser complicadas, porque seriam simples?).

Ou vocês acham que é apenas coincidência, as pessoas sempre viajarem entre Portugal-Espanha-França-Itália, ou apenas pelo leste europeu... e NUNCA intercalando as Ilhas Britânicas com o resto da Europa?
Eu intercalei... fazer o que!!!
Mas nada que várias alfândegas e imigrações ao longo de um mês de viagem não resolvam.

(Olha as Ilhas Britânicas aí... pintadas de verde, totalmente por fora do que é ser azul - os pintados de azul são os países que fazem parte do "Espaço Schengen").





E, fora isso, eu só precisava tirar minha PID (Permissão Internacional para Dirigir), que todos os documentos estariam resolvidos (iremos alugar um carro na Irlanda).
Entro no site do Detran (adoro esses Órgãos Públicos altamente informatizados e organizados) e lá, na página Habilitação, descubro uma tabela com os países com Acordos com o Brasil.
E o que descubro?

A IRLANDA NÃO TEM ACORDO COM O BRASIL!!!

Como assim? :¬/
Então descubro que posso ter permissão pra dirigir no TADJIQUISTÃO, na NAMÍBIA, no PAQUISTÃO, mas não posso dirigir na Irlanda? Posso até dirigir na IRLANDA DO NORTE (só uns 160 km de Dublin), mas não posso na Irlanda?
O único país onde vamos alugar um carro?
Francamente... já estou começando a perder minha paciência com essa ilhota gaélica...

Esses castelos vão ter que valer muito a pena!!!
Tenho certeza que sim!

Acordo de Schengen
*:
O Acordo de Schengen é uma convenção entre países europeus sobre uma política de livre circulação de pessoas no espaço geográfico da Europa. São 24 nações da União Europeia (Bulgária, Romênia e Chipre aguardam a implantação) e mais outros quatro países europeus membros da EFTA (Islândia, Noruega e Suíça; Liechenstein aguarda implantação).

O Espaço Schengen permite a livre circulação de pessoas dentro dos países signatários, sem a necessidade de apresentação de passaporte nas fronteiras. Porém, é necessário ser portador de um documento legal como, por exemplo, o Bilhete de Identidade. Além do mais, o Espaço Schengen não se relaciona com a livre circulação de mercadorias (embargos, etc.) cuja entidade mediadora é a União Européia e os outros membros fora do bloco econômico.

1 comentários:

Márcio Cabral de Moura on 26 de agosto de 2009 10:35 disse...

Robi, pelo que eu vi, basta sua carteira brasileira para dirigir na Irlanda. É como funciona na Suíça. O fato de a PID não funcionar será um gasto a menos para você.

Robilob Copyright © 2010 Designed by Ipietoon Blogger Template Sponsored by Online Shop Vector by Artshare